Investir em energia alternativa e buscar por eficiência de recursos é uma premissa na Uberlândia Refrescos. Focada em atuar constantemente com sustentabilidade, a Uberlândia Refrescos conquistou no dia 27 de julho o Selo Solar, concedido pelo Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas para a América Latina (Ideal), e que reconhece empresas que implantam em suas estruturas sistemas de aproveitamento da energia solar.

O que é o Selo Solar

O Selo Solar foi criado justamente para dar forma a algo que não se vê – a eletricidade, pois, ao andar por corredores com lâmpadas acessas, utilizar equipamentos elétricos, assistir a um programa na televisão, todos esses momentos a utilizamos, porém, cada um deles possui uma fonte de energia. E para classificar essa fonte foi criado o Selo Solar.

Consumir eletricidade produzida a partir do sol é uma atitude inovadora, porém ainda tomada por apenas poucas empresas no Brasil. A principal razão é o custo das tecnologias de conversão de energia solar em elétrica.

Para que as empresas que hoje já apostam na energia do futuro possam ser reconhecidas pelos seus consumidores, o Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas para a América Latina (Ideal) e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) lançaram o Selo Solar, com o apoio da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável por meio da Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH, Banco Alemão de Desenvolvimento (KfW) e WWF-Brasil (World Wildlife Fund – Fundo Mundial da Natureza).

Com isso, as instituições esperam também incentivar que novos projetos sejam colocados em prática no país.

Centro de Distribuição da Uberlândia Refrescos

O Selo Solar é concedido para empresas, instituições públicas e privadas e proprietários de edificações que consumam um valor mínimo anual de eletricidade solar por meio de sistemas fotovoltaicos conectados à rede (micro ou minigeradores) ou por meio da contratação de energia no mercado livre.

Iniciada no final de 2016 e finalizada no início de 2018, a construção do Centro de Distribuição foi alicerçada no conceito de prédio sustentável, ou seja, desde a sua concepção até o final da obra, tudo o que foi empregado no Centro de Distribuição foi planejado nos mínimos detalhes.
Colhendo os frutos desse investimento, a Uberlândia Refrescos obteve o Selo Solar a partir do investimento em um sistema completo de placas fotovoltaicas:

Usina Fotovoltaica do Centro de Distribuição:

Capacidade de geração de 222,6 KWp (quilowatt pico) com geração anual prevista de 311.640 KWh (quilowatt hora).
Quantidade de placas fotovoltaicas: 840
Área do telhado ocupada: 1620 m²

De acordo com o presidente da Uberlândia Refrescos, Alexandre Biagi, é muito gratificante ver os resultados em cima de um investimento que foi prioridade na empresa. “O mundo necessita cada vez mais de propostas de valor baseado no pilar da sustentabilidade. O Selo Solar é um reconhecimento que incentiva outros empresários e pessoas físicas a buscarem por essa solução”, destacou.

SOBRE A UBERLÂNDIA REFRESCOS

A Uberlândia Refrescos, franquia da marca Coca-Cola, com 42 anos de mercado e matriz em Uberlândia possui unidades de negócio em Ituiutaba, Patos de Minas e Uberaba. Sua área de atuação abrange cidades do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas. A empresa atende em torno de 3 milhões de consumidores e 24 mil clientes, empregando aproximadamente 1.300 colaboradores diretos e 800 indiretos. É reconhecida no mercado por sua transparência e ética nos negócios.

O trabalho é pautado nos valores: paixão, compromisso, respeito, profissionalismo, transparência, segurança e integridade, que propiciam à Uberlândia Refrescos vários reconhecimentos, dentre eles, o prêmio Indústria Sustentável pela FIEMG, Prêmio Qualidade Coca-Cola, Melhores Empresas para Trabalhar, pela Great Place To Work, Prêmio Compliance, Prêmio Mineiro da Qualidade (PMQ), esses e outros, além de deter certificações nas ISO’s 9001, 14001, OHSAS 18001 e FSSC 22000.